segunda-feira, 11 de novembro de 2013

A vocação de cada um

A vocação de cada um

(Luiz Marins)

A palavra vocação vem do latim “vocare” que quer dizer chamar. O verbo vocare nos deu inúmeras outras palavras e verbos como: convocar, advogado, vocábulo, equivocado, provocar, etc. e mesmo a palavra voz, com a qual chamamos alguém. Assim, quando falamos de vocação estamos falando de um chamado ou mesmo de ouvir a própria voz (interna) que nos diz o que queremos e o que devemos fazer.

Se prestarmos atenção às pessoas e à nossa própria vida, sem dúvida, veremos claramente que cada pessoa tem mesmo uma vocação. Tem algo para o qual parece ter sido chamada. E se prestarmos mais atenção veremos que as pessoas mais felizes e de mais sucesso são aquelas que seguiram sua vocação, seu chamado. E prestando ainda um pouco mais de atenção veremos que há pessoas infelizes que parecem lutar contra a sua própria vocação. Parece mesmo que elas não veem o que todos parecem ver e não conseguem, como bem dizemos, encontrar a sua vocação. Veja que as palavras são sábias: falamos em “encontrar” a vocação, ou seja, ela já existe. O que é preciso é que cada um busque a sua vocação (aquilo para o qual foi chamado) para ser feliz.

Vejo pessoas felizes que, seguindo sua vocação e através de uma profissão simples, fazem uma enorme diferença na construção de um mundo melhor. Não existe, portanto, trabalho menos digno ou mais digno, desde que seja honesto e virtuoso. Vejo artesãos, músicos, garçons, professores, donas de casa, mães, cuidadoras, enfermeiras e “simples serviçais” que têm um enorme respeito de todos com quem convivem, pela atenção e competência com que se dedicam ao que fazem, sempre com uma atitude de servir, de fazer o bem, de ser uma pessoa que dignifica a vida.

É preciso não ter preconceitos com a nossa verdadeira vocação e não deixar que por conta de palpites errados ou maus conselhos deixemos de segui-la. Infelizmente vejo pessoas que por medo de assumir sua verdadeira vocação foram em busca do dinheiro e de bens materiais. Hoje, amarguradas e tristes dariam tudo o que têm para sentirem-se felizes.

Qual é sua verdadeira vocação? Pense no seu chamado. Acredite e pise fundo !

Pense nisso. Sucesso !

(ANTHROPOS MOTIVATION & SUCCESS)

Nenhum comentário:

Postar um comentário