quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

Aprenda a falar baixo !

Bom dia, pessoas !!!

Segue ótimo texto para reflexão:

Aprenda a falar baixo !
(Luiz Marins)

Vejam o e-mail que recebi de um leitor:

Gostaria de pedir que comentasse em suas mensagens semanais a questão de falar alto ao telefone, principalmente sobre assuntos particulares. Trabalhamos próximos uns dos outros (creio que a maioria dos escritórios atualmente são assim) e ouvir questões particulares é muito constrangedor, principal-mente “briga” entre casais. Caso viesse algo escrito por você, quem sabe as pessoas “se tocariam”.

A mensagem nem precisaria de comentário adicional. É inacreditável que existam pessoas que perderam totalmente a noção do que seja um espaço público, principalmente um ambiente de trabalho. Não têm o menor respeito às pessoas que estão a seu lado ou à sua frente. Falam alto demais! São espaçosas e inoportunas sem nenhum constrangimento. Pelo contrário, quem se sente constrangido é quem se vê obrigado a assistir a esses espetáculos de falta de educação e respeito. Como disse o leitor, elas “não se tocam”. Vivem sob a absurda alegação de que os incomodados é que devem se retirar.

Falar baixo; não tratar de assuntos pessoais na frente de estranhos; respeitar a privacidade alheia, são comportamentos mínimos de civilidade e educação que precisam ser restaurados no mundo atual. A falta de educação e de civilidade está tornando o ambiente de trabalho inóspito com sérias consequências para a qualidade, produtividade e as relações entre as pessoas, com claras consequências negativas para clientes, fornecedores e mesmo para a imagem das empresas em suas comunidades.

Vamos aproveitar a mensagem enviada por nosso leitor e fazer um exame de consciência sobre o nosso comportamento. Todos nós somos responsáveis pelo ambiente de trabalho. Nele passamos as melhores horas de cada dia e os melhores anos de nossas vidas. Vamos fazer um pacto de civilidade e educação e todos nós sairemos ganhando.

Pense nisso. Sucesso!

ANTHROPOS MOTIVATION & SUCCESS

Beijos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário